Médias móveis - Aprenda como utilizar as médias móveis para auxiliar suas operações

Dalton Vieira
04 de January de 2020

Olá amigos investidores, sejam muito bem-vindos a nossa sala de aprendizado. Explicarei neste vídeo o que são as médias móveis e suas principais características.


Conceito

A média móvel é um importante indicador da categoria dos Rastreadores de Tendência. O que ela mede? Correto, o valor médio do preço, volume ou mesmo de outro indicador em um determinado período. Sua representação gráfica geralmente é feita por meio de uma linha, a qual se movimenta a cada novo dado recebido para cálculo.

Para realizar o cálculo da média das cotações de um ativo é necessário definir alguns pontos importantes. Quais são os principais?


1. O tipo da média a ser usada: simples, exponencial, ponderada ou outra? Abordarei a seguir as médias simples e exponencial, pois são as mais utilizadas.

2. O preço: abertura, máxima, mínima ou fechamento? O preço de fechamento é o mais usado no cálculo da média, pois representa o consenso dos investidores ao final de um período de negociações.

3. O período: é a quantidade de dados ou elementos que serão usados no cálculo da média.

A média móvel é uma ferramenta bem simples, mas amplamente difundida e utilizada pelos analistas de mercado.


Características

O que torna a média móvel uma ferramenta tão útil e versátil? Vamos aos principais motivos:

1. Suaviza os movimentos do preço, ou seja, retira os ruídos, representados pelas oscilações mais fortes. Com isso torna-se mais simples entender o comportamento do preço de um ativo.


2. Ajuda a identificar a tendência vigente do preço. De que forma? Simples, média móvel inclinada para cima, conforme mostra o ponto A no gráfico, sinaliza uma tendência de alta. Média móvel inclinada para baixo, conforme mostra o ponto B, sinaliza uma tendência de baixa do preço.

Vale ressaltar que quanto maior for o período de cálculo da média, maior será o prazo da tendência monitorada. Por exemplo uma média móvel de 200 períodos no gráfico diário sinaliza a tendência de longo prazo de uma ação, já uma de 21 períodos monitora a tendência de curto prazo.

3. Funciona como suporte e resistência para o preço. Veja como é prático, se o preço está acima da média, conforme destacado pelo ponto C no gráfico, a média tende a funcionar como suporte. No ponto D no gráfico é o inverso, a média funciona como resistência, pois o preço está abaixo dela.

Vamos agora abordar os dois tipos de médias mais utilizados pelos analistas.


Média Móvel Simples

Média Móvel Simples (MMS) ou Aritmética - é formada através do somatório de um conjunto de valores numéricos dividido pela quantidade de elementos somados, conforme especificado pela fórmula.


Agora por que ela é móvel? Porque ao entrar um novo preço para cálculo, o primeiro da série anterior é retirado da soma. Para ficar mais claro vamos ao exemplo prático no gráfico diário da GGBR4, usando uma MMS de 5 períodos sobre o preço de fechamento - o mais utilizado.


Para sabermos a MMS-5 no ponto A destacado no gráfico acima, pega-se a soma dos últimos 5 preços de fechamento e divide por 5. Resultado: 21,99. Ao entrar um novo preço de fechamento o cálculo é refeito considerando novamente os últimos 5 preços de fechamento.


Observe que com a entrada do novo dado, o primeiro da série anterior foi descartado. Com isso o novo valor da média móvel passou a ser de 22,07. Este é o principal motivo do nome Móvel. A cada novo dado o primeiro da série anterior é descartado, fazendo com que a média se movimente ao longo do tempo.


Média Móvel Exponencial

Média Móvel Exponencial (MME) - é caracterizada por dar um peso maior ao preço mais recente no cálculo da média, conforme pode ser observado na fórmula. O objetivo principal é acompanhar mais rapidamente a mudança do preço de uma ação.


Por este motivo, costuma-se dizer que a MMS é lenta e a MME é rápida. Observe a diferença do comportamento das duas no gráfico diário da GGBR4, usando 13 períodos para ambas. A partir do ponto A repare que o preço reverte o movimento de queda. Neste caso, veja como a MME altera a sua direção antes da MMS.


Apesar das diferenças entre as médias móveis exponencial e simples, não há como dizer que uma é melhor que a outra. Cada analista tem sua preferência. Ao meu ver o mais importante após a definição do tipo e período da média móvel é manter a configuração realizada, visando entender o comportamento do preço em relação à média.


Etapa concluída

Parabéns! Você concluiu mais uma etapa. Espero sempre contar com a sua presença na nossa sala de aprendizado. Muito obrigado!


Recomendo!

Veja também o artigo "Volume – Monitore o rastro dos grandes investidores". Deseja continuar o aprendizado? Simples, acesse o menu Aprenda>Blog do site e desfrute dos diversos vídeos e artigos disponíveis.

Comentários | 0 mensagem(s)
Ver Todos Comentários
Posts Relacionados